terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

Variações sobre o mesmo tema

Dois homens entram num bar.
Grillparzer e Hebbel entram num bar.
Um ser de ferro e uma serpente entram num bar.
La Fontaine e uma doninha entram, de rompante, num bar.
Um pavão e as ruínas do Castelo de Heidelberg entram num bar.
Um autor famoso e um autor de que ninguém fala entram num bar.
Um romance de Dostoiévski e uma tragédia grega entram num bar.
Uma nuvem e um cavaleiro montado no seu garboso cavalo entram num bar.
O orgulho sereno de Gluck e a bondade de coração de Haydn entram num bar.
A rigidez e a insociabilidade nórdico-protestantes entram, de braço dado, num bar.
Uma obra de arte e o sentido profundo da língua entram, completamente ébrios, num bar.

Sem comentários:

Arquivo